A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Debate de GT de reintegrados sobre construção de tabela remuneratória e inclusão no RJU deve durar até seis meses


A Condsef foi ao Ministério do Planejamento nesta quinta-feira, 31, para discutir com o governo a metodologia que será usada no Grupo de Trabalho (GT) que irá decidir sobre a inclusão de servidores reintegrados no Regime Jurídico Único (RJU) e a elaboração de uma tabela remuneratória para a categoria. A proposta defendida pela Condsef é a de criar uma tabela única para reintegrados, abrangidos por Decreto e tabelistas, abrangidos pelos cálculos do INPC, do Regime Geral da Previdência. A coordenação da Secretaria de Relações do Trabalho do Planejamento informou que o prazo máximo para o fim das discussões do GT sobre os dois temas será de seis meses. A primeira reunião do GT está agendada para o dia 18 de dezembro.

Neste primeiro encontro a Condsef vai defender sua proposta de unificação das tabelas dos reitegrados. A assessoria jurídica da entidade também fará uma sustentação oral do parecer técnico sobre o enquadramento dos reitegrados ao RJU. Já a subseção do Dieese na Confederação irá elaborar a proposta de tabela única, buscando equiparação com a Lei 12.277/10.

Além de representantes do governo, este GT será composto por dois membros dos servidores reintegrados por Decreto, dois reintegrados tabelistas e dois diretores da Condsef.

Fonte: Condsef