A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Começa nesta segunda seminário internacional que debate dívidas públicas


Nos próximos três dias a Condsef vai participar de um seminário que travará debates sobre mecanismos que geram dívidas públicas e as consequências desse endividamento. Com o tema “O Sistema da Dívida na Conjuntura Nacional e Internacional” o seminário começa nesta segunda-feira com uma audiência no Senado a partir das 18 horas. Nos dias 12 e 13 o debate acontece de 8h45 às 18h no Auditório da Reitoria da Universidade de Brasília. Este é um debate de extrema importância capaz de apontar gargalos que impedem, entre outras coisas, a aplicação de investimentos adequados no setor público.

A associação Auditoria Cidadã da Dívida é a instituição que organiza o seminário. A associação mantém um site onde podem se obtidos dados e informações adicionais sobre esse assunto que, segundo a própria associação, exige o aprofundamento do debate sobre o endividamento público. O texto de divulgação do seminário destaca ainda o crescimento das manifestações populares devido à insatisfação com serviços públicos, a ausência de recursos para o atendimento às necessidades sociais e investimentos em infraestrutura, somados ao aumento espantoso das privatizações de áreas estratégicas (portos, aeroportos, estradas, petróleo). Junta-se a isso o fato da parcela mais relevante dos recursos orçamentários ser destinada a gastos com a dívida. Só o orçamento de 2014 destina mais de R$1 Trilhão para pagamento de juros e amortizações da dívida pública.

O evento terá palestrantes nacionais e internacionais para debater a atuação do sistema da dívida e os mecanismos que têm gerado tais dívidas, além de aspectos relevantes como as ilegalidades já apuradas e os impactos sociais e econômicos desse processo.Serão quatro mesas de debates com os seguintes temas: O Sistema da Dívida na Conjuntura Nacional e a importância da ferramenta da Auditoria Cidadã; O Sistema da Dívida na Conjuntura Internacional; Caminhos possíveis, face às ilegalidades e ilegitimidades do Sistema da Dívida; e Impactos Sociais e Econômicos do Sistema da Dívida. A palestra de encerramento será realizada pelo Embaixador do Equador, Horacio Sevilla Borja. O país realizou recentemente uma auditoria de sua dívida, que possibilitou a redução de cerca de 70% de sua dívida em títulos (bônus global). O tema da palestra será: “Enfrentando o Sistema da Dívida: Auditoria realizada pelo Equador”.

Com dados da Auditoria Cidadã da Dívida. Informações adicionais no site:  http://www.auditoriacidada.org.br/

Fonte: Condsef