A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Servidores do Dnit seguem em greve em todo o Brasil


Planejamento confirma reunião com categoria nesta segunda, 22


Servidores do Dnit continuam em greve em todo o Brasil. A categoria segue lutando para que o governo apresente proposta para o setor que possa destravar os impasses instalados que têm impedido avanços nos processos de negociação. Esta semana a Condsef encaminhou ofício (veja aqui) ao diretor geral do Dnit, Jorge Ernesto Fraxe, onde informa que a categoria está cumprimento medida cautelar e vem realizando os trabalhos no departamento em sistema de rodízio. A Condsef esteve na manhã de hoje com Fraxe que confirmou que haverá uma reunião na Secretaria de Relações do Trabalho (SRT) do Ministério do Planejamento às 11 horas desta segunda-feira, 22. Dessa reunião vão participar representantes da comissão de negociação dos servidores do Dnit e da direção da Condsef que vão cobrar respostas à pauta da categoria.

Há boatos circulando de que já existe uma proposta para o setor. Mas formalmente a Condsef ainda não recebeu nenhuma minuta por parte do governo. Como nada foi oficializado, a Confederação recomenda que todos aguardem. A expectativa é de que se uma proposta existe ela seja apresentada à categoria na reunião desta segunda. Uma informação oficial dada pelo diretor geral do Dnit é de que a folha de ponto dos servidores foi fechada com orientação para que fosse incluído código de greve na ficha dos participantes do movimento paredista. Sobre isso a Condsef considera o procedimento natural uma vez que o código de greve sempre é tema de negociação quando se dá o fim de um impasse instalado.

A Condsef lembra a categoria que este é um momento onde os boatos não devem ser considerados para que o movimento de mobilização não seja enfraquecido. Todas as informações formais e oficiais do processo de negociação com o governo que busca o atendimento das principais demandas da categoria serão publicadas aqui em nossa página.

Fonte: Condsef

Nenhum comentário:

Postar um comentário