A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Agentes penitenciários a caminho da renomeação de cargo


Os profissionais responsáveis pela segurança dos presídios passarão a atender pelo nome de “Agente Policial de Custódia” no DF. O GDF, em acordo com os sindicatos da Polícia Civil do DF e a Associação dos Agentes Penitenciários do DF, propõe mudanças também na lotação dos profissionais. Pela proposta, eles devem sair da Secretaria de Segurança Pública para a Polícia Civil do DF.

Reivindicação antiga

Segundo o secretário de Administração Pública, Wilmar Lacerda, trata-se de uma reivindicação “histórica” da categoria. As novas medidas “criam condições para melhor organizar o trabalho da Polícia Civil do DF e valoriza esses profissionais”, diz o chefe da pasta. 

Agora é com o Congresso

As alterações precisam ser referendadas pelo Congresso Nacional. O governo local promete empreender esforços, junto à Casa Civil da Presidência da República e ao Ministério do Planejamento, para conseguir a mudança que envolve o sistema carcerário brasileiro. 

Formalidades

As novidades foram anunciadas em reunião, na semana passada, entre o secretário de Segurança Pública, Sandro Avelar, do subsecretário da Subchefia de Análise e Acompanhamento de Políticas Públicas Governamentais da Casa Civil, Luiz Alberto Santos, e o diretor-geral da Polícia Civil do DF, Jorge Xavier. No encontro, foram acertados os termos do Projeto de Lei que será encaminhado ao Congresso Nacional para as alterações e adequações na nomenclatura do cargo. 

Agentes ansiosos

O presidente do Sinpol, Ciro de Freitas, diz que os agentes penitenciários estão ansiosos ela mudança: “O Sinpol continuará envidando esforços para que os encaminhamentos sejam dados com a maior celeridade possível”.

Fonte: Jornal de Brasília

Nenhum comentário:

Postar um comentário