A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

quinta-feira, 16 de maio de 2013

TRF5 julga mais ações de improbidade administrativa e crimes contra a administração que outros tribunais


Dados são de relatórios do CNJ, Divulgado ontem (13)

A Justiça Federal na 5ª Região julgou, no ano passado, 1.900 ações de improbidade administrativa e 3071 de crimes contra a administração, o que representa um cumprimento, em 2012, de 57,35% e 72,18%, respectivamente, da Meta 18 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Os dados são de um relatório do próprio CNJ, divulgado ontem (13/05). A referida Meta está relacionada à identificação e julgamento, até 31/12/2013, das ações de improbidade administrativa e de crimes contra a administração pública, distribuídas até 31/12/2011. Somente este ano, de janeiro a março, a 5ª Região (TRF5 e 1º grau) – julgou 266 processos, sendo 148 de improbidade administrativa e 118 ações penais relacionadas a crimes contra a administração pública.

Meta – Até dezembro de 2013, deverão ser julgados mais 2.752 processos, visando a cumprir 100% da Meta 18, ou seja, 7.989 feitos. O percentual cumprido, até o momento, está acima de 65%. O dados do CNJ dão conta de que entre os três TRFs analisados (TRF2,TRF4 e TRF5), o da 5ª Região está mais avançado no cumprimento da Meta 18 (65,55%). “A média nacional de cumprimento, que inclui também os tribunais estaduais e o Superior Tribunal de Justiça (STJ), está em torno de 41%”, ressaltou o diretor da Divisão de Desenvolvimento Institucional do TRF5, Luiz Carlos Targino.

Fonte: TRF5