A aposentadoria não significa um final, mas sim uma nova fase em que a pessoa poderá realizar outros objetivos e projetos

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Condsef participa de marcha que uniu movimentos contra homofobia e contra violência aos trabalhadores do campo e da cidade


Condsef participa de marcha que uniu movimentos contra homofobia e contra violência aos trabalhadores do campo e da cidade

Nesta quarta-feira a Condsef, por meio de sua secretaria de Gênero, Raças e Etnias e delegações dos sindicatos gerais, participou de uma marcha que uniu movimentos contra a homofobia e contra a violência aos trabalhadores do campo e da cidade. A atividade reuniu representantes do movimento LGBT e do MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra) que reivindicaram políticas imediatas pela Reforma Agrária e pediram o fim de atos contra trabalhadores que buscam a justiça no campo. Os participantes da marcha comemoraram também a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) tomada nesta quarta, 14, que obriga os cartórios de todo o país a celebrar o casamento civil e converter a união estável homoafetiva em casamento. A decisão do CNJ é considerada uma vitória importante em direção ao reconhecimento pleno desse direito para todos.

A luta pela criminalização da homofobia também segue como pauta do movimento LGBT que une lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais brasileiros por direitos civis iguais e busca a convivência pacífica em sociedade. A marcha foi concluída com uma atividade no Congresso Nacional onde os manifestantes voltaram a pedir a saída do deputado federal Marco Feliciano da presidência da Comissão de Direitos Humanos.

Fonte: Condsef

Nenhum comentário:

Postar um comentário